quinta-feira, 8 de março de 2012

     A escolha da Trilha sonora é o CD etnográfico Mbya-guarani
 





Estudantes do UNISUL/Revitalizando Culturas e Universidade Federal da Bahia estão concluindo tratativas burocráticas para viabilizar o uso de músicas do CD Tery-Maraey, de 2002, do coral mbyá-guarani  Kuaray ouá. Alunas voluntárias do art. 170 estão se  responsabilizando com a garantia do direito autoral e  dos direitos patrimoniais de uso da obra.

As tratativas são com  Inácio da Silva, o autor das músicas e hoje um jovem Karaí (pajé) guarani na aldeia Marangatu do município de Imaruí (SC). O registro dessas músicas rompeu 250 anos de jejum de reconhecimento do direito autoral. Foi devido à lei de proibição de uso da língua guarani nos idos de 1755. De fato, segundo a Biblioteca Nacional, era o primeiro registro de música em guarani de que se tem notícia até então.

As músicas vão ser trilha sonora do documentário coordenado por Carlos Vin Lopes do projeto  Caravana da Integração da UFBA.

A produção do CD foi coordenada pelo UNISUL/Revitalizando Culturas, Curso de Comunicação Social Pedra Branca e AIMG - Associação Indígena Mbyá-guarani. Lançado com apoio  Fundação Catarinense de Cultura (FCC).

Nenhum comentário:

Postar um comentário