sexta-feira, 8 de julho de 2016

[Atualizado] Perda de identidade: A criança indígena confinada no abrigo

Na tarde da última quarta feira (06-07), o professor da Unisul e teólogo culturalista Jaci Rocha Gonçalves concedeu uma entrevista à jornalista Camila Yano, para o programa Justiça Legal, do Tribunal de Justiça de Santa Catarina, veiculado na TV Justiça. Com o tema “adoção de crianças indígenas”, a escolha está mais que justificada, dado todo o trabalho da Unisul e do centro de pesquisa Revitalizando Culturas, do qual Jaci é coordenador.

O assunto específico do tema foi sobre a decisão do desembargador substituto Rodolfo Tridapalli, da Câmara Cível Especial do Tribunal de Justiça que determinou que a FUNAI (Fundação Nacional do Índio) tomasse as devidas providências para reaproximação e adaptação de uma criança de etnia Guarani-mbya, com membros da própria família extensa da comunidade indígena. Essa decisão revoga a situação da criança indígena que há mais de um ano encontra-se num abrigo na lista de espera para adoção por um casal Juruá (não-índio).

Sentado em um dos bancos do campus Unisul Pedra Branca, Jaci comentou sobre as dificuldades históricas crônicas na mudança de tratamento com os povos originários por parte dos poderes constituídos.

No caso do tratamento da criança, o representante do poder judiciário não havia escutado  a autoridade indígena e nem mesmo a FUNAI. Jaci valorizou a nova atitude do desembargador substituto como justa com a Constituição brasileira atual nos artigos 230 e 231 e a Declaração Universal dos Direitos dos Povos Indígenas de 2007. O professor Jaci reconheceu nessa atitude, um ato que se inscreve na política de reparação às leis eurocêntricas impostas no Brasil desde 1755 sobre as culturas ameríndias.

E, sobretudo, quando se trata de proteger as crianças numa cultura como a guarani que vê a criança como mensageira do divino para os humanos e protetora de seu povo.

Abaixo o vídeo com o programa completo, no qual foi exibida a entrevista.
Da esquerda para direita: Rodrigo , Camila Yano e Jaci Rocha Gonçalves.




Leonardo Santos, 
estagiário de Jornalismo no Revitalizando Culturas
Coordenação: Prof Dr. Jaci Rocha Gonçalves

Nenhum comentário:

Postar um comentário